Decoração       Moda       Eventos       Gourmet       Viagens       Dicas

23 de julho de 2014

UM CURSO PARA QUEM QUER APRENDER A SE VESTIR BEM

Quem não tem aqueles dias de indecisão frente ao espelho, sem saber o que vestir, principalmente quem trabalha fora e precisa estar arrumada e adequada diariamente ?
Pensando nessas mulheres que LULA KIAH, consultora de imagem e fundadora da Syyle Innovations, virá ao Rio de Janeiro mais uma vez para dar um curso de consultoria de imagem na próxima semana.
Em seu trabalho, a profissional já atendeu mais de 4 mil pessoas e empresas internacionais, como o McDonald's, Pepsico, IPADE , Ewn International, Universidade de Notre Dame, Câmara de Comércio de Bogotá, as Forças Armadas em Bogotá e Sudário University.
Para quem tiver disponibilidade é uma ótima dica.

As palestras serão dias 29 e 30 de julho no RIO OTHON PALACE HOTEL em Copacabana.
Inscrições e informações : bossafeminina@globo.com ou com CRISTINA ( 21 ) 984432278 ou LUCIANA ( 21 ) 999723673.

Abaixo um entrevista que LULA concedeu à GAZETA DO POVO de LONDRINA quando esteve na cidade dando um curso e que transcrevo para vocês conhecerem um pouco do que ela ensina! 


Como uma mulher descobre o seu estilo?
Conhecendo a si mesma. Não se trata de impor regras, mas para considerar a estética pessoal é preciso entender os seus objetivos e o ambiente em que você convive.
Isso não pode soar forçado demais?
Não falo para as pessoas serem superficiais, vaidosas ou falsas. Você não está enganando as pessoas, está simplesmente definindo um ambiente físico e emocional para o sucesso. Sua apresentação (forma com que se veste e se comporta) é percebida muito antes do que o seu jeito ou caráter.
Você acha que a forma de vestir pode influenciar na carreira profissional?
Sim, inclusive pode ser decisiva para a atribuição de um salário. Analisei diversos estudos que comprovam isso. Em um deles, currículos idênticos foram enviados recrutadores, junto com várias fotografias dos entrevistados. Os salários iniciais variaram entre 8 e 20% maior quando a imagem apresentada ao entrevistado foi profissional e com boa disposição.
Também interfere na maneira com que seus colegas te enxergam?
Quando você conhece alguém, se estiver bem vestido, pode fazer com que essa pessoa pense exatamente o que você gostaria que pensassem sobre você. O primeiro passo para criar uma imagem profissional e de credibilidade é perceber que você pode controlar a opinião dos outros. Aí você deve se vestir e agir de uma forma que passe a impressão aos outros da experiência,seriedade e conhecimento que tem.
Mas e especificamente com o trabalho?
A maneira como você se veste afeta o desempenho em qualquer profissão. Antes da gente dizer qualquer palavra, a nossa imagem envia 80% da mensagem. Nossa imagem é uma forma de projetar credibilidade e confiança.
Como funcionam as suas dicas?
Elas são relacionadas a muita coisa e com cada parte do corpo, principalmente a cor do cabelo. Nós temos um pigmento original, que pode ser vermelho, amarelo ou marrom. Acho importante conhecer isso, por isso a primeira coisa que faço numa consultoria é pedir uma foto do cliente de quando ele tinha 3 ou 5 anos. Aí eu começo a trabalhar uma reforma. A primeira coisa que enfatizo é a importância do sorriso. Quando uma pessoa sorri, ela parece mais agradável, jovem e disposta a interações.
É preciso muito dinheiro para se vestir bem?
Não. Muitos dos clientes que atendo têm o orçamento limitado.O meu trabalho como consultora é justamente combinar o que a pessoa já tem. Faço uma análise do guarda-roupa do cliente e ajudo a combinar peças de acordo com a proporção do corpo. Sempre tento valorizar o que a pessoa tem de mais bonito e disfaçar imperfeições, como um braço muito grande, quadril avantajado...
Como você trabalha o seu conselho para cada pessoa ?
Uma consulta é composta por duas etapas: a primeira para que a pessoa compreenda a si mesma, seja por meio de fotografias, medições ao redor de todo o corpo... Com o contato direto eu posso conhecer o estilo de vida, ocupação, tudo isso. Eu passo quase quatro dias depois da entrevista inicial fazendo uma análise com relação ao corte de cabelo e a cor. A segunda parte consiste em adquirir o traje correto (por meio da assistência de copras) para colocar o conhecimento teórico em prática.
Dicas para se vestir bem no trabalho:
Menos é mais
Prepare-se para adaptar seu guarda-roupa para o sucesso, mas não exagere. Ângulos agudos, roupas apertadas, alto contraste e obreiras deixam o visual pesado e chama atenção demais. Prefira formas mais delicadas, um contraste menor de cores, estruturas mais naturais e saltos clássicos. Mesmo que as ombreiras estejam na moda, é melhor guardar as peças em seu guarda-roupa. A função da ombreira é para equilibrar o corpo de forma invisível.
Minimize os acessórios
Muitas pulseiras, brincos longos e cintos marcantes podem diminuir a credibilidade de uma mulher. Prefira peças mais simples e com formas fortes.
Cuidado com a sensualidade
Se dedicar ao mundo dos negócios não significa perder a feminilidade, mas não abuse. Você até pode vestir uma saia, mas não com uma abertura grande na coxa ou muito curta.
Não seja elegante demais
Se vestir de forma muito mais elegante que as pessoas que estão ao seu redor é um erro, a não ser que você trabalhe com moda ou entretenimento. Se você se veste assim, passa a impressão de que se veste para chamar atenção e tende a causar incertezas quanto ao seu nível de profissionalismo.
Evite decotes
Quanto mais você mostra a pele, menos você é considerada profissional. Evite tops que chamam atenção para os seios.
Não fique no preto
As cores escuras são autoritárias, mas usá-las todos os dias denota falta de criatividade. Adicione um pouco de cor para dar vida ao seu uniforme profissional.




Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...